quarta-feira, julho 07, 2010


EXAGERADO!

3

Agenor de Miranda Araújo Neto, esse era o nome de CAZUZA!
Hj fazem 20 anos da sua morte, e eu que so tenho 24 adorooooooo suas musicas!
Tudo bem que ele nao foi um cara que merecia ter todos os seus atos como exemplo, e quem merece?
Uma pessoa que se declarou publicamente soropositivo. 
Foi o primeiro artista brasileiro a assumir a doença publicamente, ele dizia que um artista que cantava “Brasil, mostra sua cara” não poderia mentir para o seu público.Merece no minimo consideraçao nao é?!
Essa desarmante honestidade que colocou na sua vida e na sua música, é oque me fascina.
Tinha alguma coisa de infantil, de menino (mimado), de criança que não sabe o que quer, mas que procura, ainda que talvez de forma inconsciente, uma espécie de transcendência: e aí reside toda a rebeldia, o egocentrismo, os excessos, os exageros.
 Cazuza, morreu muito novo - 32 anos -, como parece ser sina de vários óptimos músicos brasileiros (Elis Regina, Noel Rosa, Dolores Duran, Chico Science, Raul Seixas, Renato Russo, Cássia Eller, ...). Viveu uma vida desregrada e boémia, o verdadeiro sexo, drogas e rock'n'roll , no que isso tem de mais inocente ou ingénuo (existe uma diferença?).
Sua obra é eterna e imortal, e a legião de fãs que ele ainda tem, continuará sendo exagerada!




"Todas elas, rosas e espinhos. Mil promessas vão se cumprir." (Mal Necessario-Cazuza)

3 comentários:

Than disse...

Lindo né?????
AMO Cazuza e sua história. Assisti ao filme 1000 vezes e nunca cansei!
Me lembro perfeitamente qdo ele morreu....eu era criança mas fiquei sentida, sabe? Aquele apertozinho no peito?
Independente das besteiras q ele fez na vida, e quem nao fez, ele é idolo nacional!
Amei vc relembrar! Ainda mais hj, no dia em q faz 20 anos da sua partida!

Beijoooos minha cumadre mais q amadaaaaaa!

Paty Ghigiarelli disse...

AmoooOOOOooo....

Nossa, adorei o post e valeu a lembrança!!

"Mas se você achar
Que eu tô derrotado
Saiba que ainda estão rolando os dados
Porque o tempo, o tempo não pára

Dias sim, dias não
Eu vou sobrevivendo sem um arranhão
Da caridade de quem me detesta

A tua piscina tá cheia de ratos
Tuas idéias não correspondem aos fatos
O tempo não pára

Eu vejo o futuro repetir o passado
Eu vejo um museu de grandes novidades
O tempo não pára
Não pára, não, não pára"

Perfeito, né?

Beiju amiga...

Nanda Ramos disse...

amo demaisssssssssss
marido tbm.. e nosso bb ouvirá muito as músicas dele...
aquilo sim era música, não o rebolaichom de hj em dia... sei lá como escreve essa porcaria kkkk
bjusssss

"Ah... Mas quem sou eu senão uma formiguinha, das menores, que anda pela Terra cumprindo sua obrigação!" (Chico Xavier)